ParalISA

Paralisa

Com seus encantos doces

Mãos habilidosas, safadas

Você não presta

E quem acreditará nessa blasfêmia…

Assim começa a história

De Joana que conheceu Maria e já conhecia João

Janela tripla, o grande encontro

Perfeito seria sinômino

De uma noite calorosa

E risadas sem fim.

Passados tristes esquecidos

Amores sofridos deletados

Por um instante que as janelas se fundiram

E será que novos amores estão por vir…

Em algum lugar do mundo um deus sofre

Em outro o súdito sonha

Arrancar um sorriso da boca mais perfeita

E o real clama…

Sua voz me choca,

Não como uma ave

Mas com meiguice e ternura…

Elogios invadem a madrugada,

Você me adora, eu te adoro, nós nos adoramos,

Uma pausa para o jantar,

Paella jaz a confusão

Arriba, México a caminho

O futuro a caminho

Paralisa

Com carinho

Para: Isa

(Jacques Manz)

Anúncios

Sobre isazaranza

Uma Áragon em evolução.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

3 respostas para ParalISA

  1. feinha eu me lembro desse dia e sinto saudades viu.
    Manz vc é bom mesmo rsrsrsr

  2. Jacques disse:

    owwwwwwwwwwwwwwwwwwwwww
    paraaaaa lisaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
    huauhauhauh
    adorooo
    amooooo
    bjossss
    vamos postar as isabelicesssss

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s